Webinar discutirá plataformas, segurança digital e orientações para o atendimento digital

A Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Rio Grande do Norte (Sogorn) promove nesta terça-feira (27), às 18h, a webinar “Vivência em telemedicina na ginecologia e obstetrícia”. Em abril deste ano, o Governo Federal sancionou a Lei nº 13989/202 que autoriza o uso da telemedicina durante a pandemia para realizações de consultas médicas. O evento discutirá aspectos desses atendimentos virtuais e a vivência dos profissionais ginecologistas e obstetras.

De acordo com pesquisa realizada pela Federação de Ginecologia e Obstetrícia do RN (Febrasgo) com os seus associados, 90% dos profissionais disseram já terem prestado orientação aos seus pacientes de forma remota, ou seja, fora das consultas presenciais. Outro apontamento da pesquisa foi a preocupação com a segurança digital, as plataformas utilizadas e os valores para esse tipo de atendimento.

Segundo Eduardo Cardioli, presidente da Comissão de Comunicação Digital da Febrasgo e convidado da webinar, “a telemedicina é a medicina aplicada de maneira digital. Assim, os profissionais devem cobrar pelas consultas e se inteirar das plataformas digitais que oferecem mais segurança aos pacientes”, orienta.

Com a pandemia da Covid-19, a telemedicina vem ganhando ainda mais espaço em todas as áreas. O debate tem mediação da médica Elvira Mafaldo, presidente da Sogorn, e conta com a participação dos médicos Eduardo Cordioli, responsável pelo Centro de Telemedicina do Hospital Albert Einstein, e Agnaldo Lopes, presidente da Febrasgo.

A conferência virtual conta com apoio da Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo). Para acessar a webinar, que se realizará pela plataforma Zoom e será transmitida ao vivo pelo canal da Sogorn no Youtube, basta acessar os links a seguir:

YOUTUBE

https://youtu.be/8nLIsmhxLFM

ZOOM

https://zoom.us/j/95223470376?pwd=MHBzK1ZZaFV2ek9WSWUwMk9od0JVUT09

Deixe um comentário

Sobre o autor: Sogorn Editor