Apesar da recente inclusão das grávidas e puérperas no grupo prioritário para vacinação contra Covid-19, a burocratização do processo dificulta o acesso à imunização. Atualmente, na capital potiguar, está sendo exigido uma declaração de cada gestante e a prescrição médica de qual vacina ele deve tomar.

Na última semana, a Associação de Ginecologia e Obstetrícia do Rio Grande do Norte (Sogorn) reafirmou a recomendação de incluir as grávidas sem comorbidades no grupo prioritário para vacinação contra Covid-19. A orientação tem sido dada pela instituição desde o início do ano.

“As evidências científicas e os dados epidemiológicos atualmente disponíveis evidenciam que a gestação e o puerpério são fatores de risco para desfechos desfavoráveis da Covid-19, culminando com o maior risco de hospitalização, partos prematuros e óbito de mulheres. Dificultar o acesso desse público à vacina é expor estas mulheres a riscos que podem ser evitados. Se a questão era ter o nosso parecer enquanto representação dos profissionais, este já foi dado e deve ser considerado”, declara Robinson Medeiros, presidente da Sogorn.

De acordo com dados do Observatório Obstétrico Covid-19, o número de óbitos maternos nos primeiros meses de 2021 (911 óbitos até 26 de maio de 2021) já superou o número notificado no ano de 2020 (544 óbitos de gestantes e puérperas por Covid-19). Outro aspecto enumerado é que as mortes de grávidas em 2021 tiveram um percentual estimado de 59% de gestantes sem comorbidades, ao contrário do que ocorreu em 2020.

Tanto a Sogorn quanto a Febrasgo (Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia) recomendam que, além de acesso à vacinação, as gestantes, lactantes e puérperas continuem seguindo as medidas de prevenção contra Covid-19, como o uso de máscaras, a higiene das mãos e a manutenção do distanciamento social. Vale lembrar que as vacinas que estão sendo administradas no Brasil não são de vírus vivos, o que descarta qualquer possível contaminação pelo coronavírus.

Deixe um comentário

Sobre o autor: Sogorn Editor